terça-feira, junho 30, 2009

Pai de Michael Jackson pode ter ficado fora do testamento


O pai de Michael Jackson não está incluso em seu testamento, segundo relatos.

Fontes próximas ao pop star disseram que um advogado poderá apresentar o testamento na Suprema Corte de Los Angeles ainda esta semana, segundo o Wall Street Journal.


Acredita-se que o testamento dividirá o patrimônio de Michael entre sua mãe, Katherine, seus três filhos e uma ou mais entidades beneficentes, mas que definitivamente não incluirá o pai com quem sempre teve uma difícil e complicada relação.


O advogado da família, Londell McMillan disse:


“Nenhum testamento foi apresentado à família ou a nós. Vamos examinar qualquer documento quando nos for apresentado.”


Em 1993, durante entrevista a Oprah Winfrey, Michael alegou ter sido física e emocionalmente agredido pelo pai durante sua infância.


Em entrevista à BBC, Joe admitiu, em 2003, ter agredido seu filho, mas negou que tenha lhe dado surras, como Michael afirmava.


“Eu chicoteava ele com um cinto ou com um correia. Nunca bati nele. Bater é agredir alguém com uma vareta.”

Joel Neto Web Developer

Nenhum comentário: