segunda-feira, agosto 20, 2012

Salvador Mejía ressuscita novelas com enredos românticos



O produtor Salvador Mejía se encontra focado nas gravações de sua nova novela “Qué Bonito Amor” e reconheceu que o seu novo melodrama terá seu melhor momento e expressou que a produção de tantos remakes se deve ao fato da falta de originalidade dos escritores.
Somos privilegiados de conteúdos originais em nosso país e temos muitas conexões, compromissos corporativos com outras emissoras de outros países com quem fazemos intercambio de conteúdo e o que a gente faz é realizar uma versão com nossa marca.”
O produtor de novelas como “Esmeralda” e “La Usurpadora” expressou que os melodramas mexicanos ainda são o número um a nível mundial em outros países.
Muitos países produzem cinco projetos que são sucesso em um ano, nós em um ano produzimos cinquenta projetos que se tornam sucesso.”
Expressou o produtor que volta a televisão com o remake da novela colombiana “La Hija del Mariachi” que terá os atores Danna García, Jorge Salinas e Pablo Montero como protagonistas e busca com sua nova trama trazer de volta a televisão mexicana as histórias clássicas.
Nossas novelas são clássicas e unem a família, e ainda tem um toque de realismo mas segue sendo uma história fictícia e acredito que a esperança e o amor estão bem focados nessa novela que o demonstrará através de suas canções.”
Salvador Mejía ainda reconheceu sua grande expectativa em relação a “Qué Bonito Amor”, que ocupará o lugar deixado pela novela “Amor Bravio” do produtor Carlos Moreno no final de outubro no horário das 7:15 da noite, já que é um horário que não está muito acostumado e que a última produção que realizou nesta faixa foi a novela “La Pícara Soñara” produzida no ano de 1991.
Além das modificações que serão feitas na história da autora Mónica Agudelo em respeito à versão original colombiana, o produtor ressaltou que o escritor Ricardo Fiallegas será o encarregado da adaptação mexicana de sua história.
Na novela “La Hija del Mariachi” o protagonista masculino foge do México acusado de um crime que não cometeu e vai para a Colômbia, por isso de acordo com o produtor essas linhas argumentativas serão mantidas no remake que será produzido por ele.
Temos que mostrar temas que ainda que sejam incômodos, será o que movimentará a trama e estamos procurando dar uma realidade a essa história, já que esse motivo é o que está sendo focado na novela e só é um impedimento para o amor, mas não será o tema central do melodrama.”, finalizou Mejía.
Daniel Web Developer

Nenhum comentário: