domingo, setembro 25, 2016

'Corona de Lágrimas / Lágrimas de Amor' completa 4 anos!


Imagem: Victoria Ruffo (Refúgio) Divulgação: Televisa
Há 4 anos (Setembro/2012) estreava no México o sucesso "Corona de Lágrimas" que será exibida pela primeira vez no Brasil a partir do dia 03 de outubro através do SBT com o título de "Lágrimas de Amor".

O folhetim foi protagonizado por Victoria Ruffo e contou com as atuações de Maribel Guardia, Ernesto Laguardia, Mane de la Parra, Alejandro Nones, África Zavala, Adriana Louvier e grande elenco.

Sua produção ficou a cargo de José Alberto Castro 'El Guero', que é o responsável por sucessos como "Rubí", "Teresa" e "La Que No Podia Amar".

"Corona de Lágrimas" foi exibida pela Televisa no horário vespertino (16h) e acumulou uma média geral de 17 pontos em plena tarde, sendo considerada na época um enorme sucesso.

Confira a sinopse 

Quando Refugio e seus três filhos, Patricio, Edmundo e Ignacio são expulsos de sua casa, por azar do destino chegam a cidade do México, onde iniciam uma nova vida.

Dezoito anos depois, já se estabeleceram em um pequeno apartamento em uma zona popular. Ela tem um trabalho modesto, e ainda sofre de graves problemas de visão, não cuida de sua saúde por atender as necessidades de seus filhos. Patricio estuda Direito e sonha com um futuro cômodo e próspero; Edmundo estuda Medicina e é um aluno brilhante porém indisciplinado, e Ignacio só pode terminar a secundária porque trabalha em uma oficina mecânica, pois ajuda sua mãe a pagar os gastos da casa e os estudos de seus irmãos.

Patricio se tornou namorado de Lucero, filha de Julieta, quem os hospedou quando chegaram a cidade, mais ao pouco tempo, a rejeita quando conhece a Olga, uma garota volúvel cuja fortuna a deslumbra, o que o leva a sentir vergonha de sua família e a mentir sobre sua origem, chegando ao extremo de negar a sua mãe. Olga começa a duvidar das mentiras de Patricio, pelo que o espiona e descobre que vive muito modestamente. Exposto, ele mente de novo dizendo que Refugio foi sua babá, e como sofre de uma doença mental, tem que cuidar dela. Ela o admira pela caridade. Logo, Edmundo começa a cortejar a Lucero, lastimando sem querer a Ignacio, que a amava em segredo; e Refugio tenta em vão fazer que Patricio entenda que com Olga nunca será feliz.

Olga pede a seu pai, o jurista Rómula Ancira, para empregara Patricio em seu escritório jurídico. Como o pai está farto dos caprichos da filha, aceita e logo anuncia seu noivado. A raiz do casamento, Patricio se distancia totalmente de sua mãe e seus irmãos. Quando Refugio tenta aproximar-se de Olga para recuperar o carinho de seu filho, só recebe humilhações. Isto gerá conflitos com Edmundo e Ignacio. Logo, Patricio descobre que seu pai não é o mesmo dos outros, acusa sua mãe de infiel e exige que não volte a se aproximar.

Em consequência, Refugio cai em uma depressão severa que a leva a perder seu emprego e agrava sua perda da visão. Nem Edmundo nem Ignacio parecem ser capazes de consolá-la, mais se propõem a seguir adiante, o primeiro buscando dinheiro fácil com um negócio ilegal, e o segundo, endividando-se. Edmundo não demora para ser preso e a situação se agrava quando Ignacio vai a Patricio para pedir que defenda diante da Lei e este se nega.

A vida matrimonial de Patricio e Olga é um desastre, e ela chega a ter tanto ciúme de Patricio que, para tentar fazer uma chantagem, se suicida, com o que o mundo de luxo e comodidade de Patricio se desmorona.

Quando o homem que arruinou a vida de Refugio e seus filhos retorna a suas vidas por casualidade, Patricio descobre a verdade de sua origem e os esforços de sua mãe apesar das ad
versidades. A dor de seus próprios fracassos, venceu a arrogância de Patricio, que roga a Refugio o perdão e aceita defender seu irmão, após do qual se recupera a harmonia familiar.
Joel Neto Web Developer

Nenhum comentário: